Praias ficam lotadas no feriado de Nossa Senhora Aparecida


Praias ficaram lotadas em várias partes do país nesta segunda-feira (12), feriado de Nossa Senhora de Aparecida. Houve registro de banhistas aglomerados e que deixaram de usar máscaras, contrariando as recomendações das autoridades de saúde e legislações locais que buscam conter a transmissão do novo coronavírus.

 

Pernambuco

No Recife, em Boa Viagem e no Pina, na Zona Sul da capital pernambucana, a areia ficou tomada de pessoas, parte delas sem usar máscara. O equipamento de proteção é obrigatório fora da água e quando não se está bebendo ou comendo algo. No entanto, não existe uma punição específica para quem descumpre a regra.

 

 

Bahia

Em Salvador, banhistas lotaram a praia de Itapuã. Imagens feitas pela TV Bahia mostram pessoas desrespeitando o decreto de interdição das praias nos finais de semana e feriados. Na capital baiana, a liberação das praias foi autorizada em 18 de setembro, mas o decreto só permite que os banhistas estejam nelas em dias úteis.

 

 

As imagens desta segunda mostram vários grupos de pessoas espalhados pela areia da praia de Itapuã. Também foi possível observar garotos jogando futebol e a presença de muitas crianças.

 

 

Ceará

Em Fortaleza, centenas de banhistas lotaram a Praia de Iracema para passar o feriado. Barracas montadas na faixa de areia acumularam pessoas, a grande maioria sem máscaras. Uma lei em vigor no Ceará desde agosto estabelece multa de R$ 100 para pessoas que se recusarem a usar máscara, podendo chegar a R$ 300 em caso de reincidência. Para empresas, a multa por descumprir as normas sanitárias é de R$ 1.001.

 

Alagoas

Na praia da Pajuçara, em Maceió, o movimento intenso foi comemorado pelos ambulantes, mas o grande número de barracas denunciava a superlotação em muitos locais. No estado de Alagoas, o banho de mar e a permanência nas praias estão permitidos, mas desde que seja respeitado o uso de máscaras e o distanciamento na faixa de areia para evitar o risco de contágio pelo novo coronavírus. Não há punição prevista para quem descumprir as normas.

 

Paraíba

 

Em João Pessoa, na praia do Cabo Branco foram encontradas aglomerações no mar e na faixa de areia, além de pessoas sem usar máscara de proteção.

 

 

Conforme decreto da Prefeitura de João Pessoa, os acessos à faixa de areia e ao banho de mar foram liberados em 20 de agosto. Também foram autorizados o retorno de atividades esportivas na faixa de areia e realização de passeios turísticos, mas a prefeitura orienta que as pessoas devem evitar aglomerações. O pedido também é para que se use máscara, mas não há punição prevista para quem não usar.

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.