Temer anuncia reajuste acima da inflação para Bolsa Família


Em busca de agendas positivas, o presidente Michel Temer anuncia nesta segunda-feira, em um pronunciamento em rádio e tevê pelo Dia do Trabalho, mais um reajuste para o programa Bolsa Família em percentual acima da inflação.

De acordo com uma fonte que acompanha o tema, o reajuste ficará acima da inflação, entre 5 e 6% – o valor exato seria fechado na tarde desta segunda.
Uma segunda fonte disse à Reuters que em seu pronunciamento, gravado esta manhã, Temer não falará o valor exato do reajuste, que será anunciado em seguida pelo governo, mas irá comemorar o fato de estar reajustando o valor do benefício acima da inflação de 2017, que foi de 2,95%.

O governo já havia tomado a decisão política de reajustar o Bolsa Família acima da inflação, mas o valor ainda estava sendo calculado para que incluísse um aumento real mas não impedisse o governo de manter o discurso de que zerou a fila do programa. O ajuste fino, portanto, visa um reajuste que mantenha uma folga financeira capaz de manter essa fila zerada.


O programa atende hoje 14 milhões de famílias. Em agosto, depois de fazer mais uma limpeza nos atendidos pelo programa, extraindo pessoas com renda acima do permitido, o governo incluiu mais 828 mil famílias e anunciou que teria mais uma vez zerado a fila do programa.


Já o pronunciamento, que vai ao ar às 20h30 desta segunda-feira, será um recado do presidente para os trabalhadores no Dia do Trabalho e será “bem abrangente”, disse a fonte que acompanhou a gravação.


O último pronunciamento de Temer em cadeia de rádio e tevê foi feito no dia 21 de abril. Na sua fala, o presidente defendeu seu governo e chegou a se comparar a Tiradentes, que foi “acusado e condenado”, mas absolvido pela história.
Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.