Petroleiros fazem trancaço contra a venda de plataformas em Macaé


    Diretores do Sindicato dos Petroleiros do Norte Fluminense (Sindipetro-NF) promoveram, na manhã desta segunda-feira (31), um trancaço nos acessos à base de Imbetiba, em Macaé, em protesto contra o anúncio feito pela Petrobras, na noite da última sexta-feira (28), de venda de 74 plataformas em todo o país, sendo 14 delas na Bacia de Campos. 

   A ação começou às 6h. De acordo com a entidade, a privatização destas unidades retiraria da empresa uma receita de US$ 1 bilhão por ano, além de eliminar cerca de 10 mil empregos. “Estamos aqui em Imbetiba fechando todos os acessos para que a categoria petroleira perceba a gravidade deste anúncio. 
 Precisamos enfrentar esses entreguistas e construirmos uma nova greve geral”, disse o coordenador geral do Sindipetro-NF, Tezeu Bezerra. (A.L.R.) (A.N.)
Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.