Debate da Globo do 2º turno: Lula e Bolsonaro poderão usar tempo livremente em todos os blocos


Debate será na sexta-feira (28), às 21h30, com transmissão ao vivo no g1, na TV Globo, na GloboNews e no Globoplay. Jair Bolsonaro (PL) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT) participarão do programa.

 

A Globo transmite o último debate do segundo turno entre os candidatos à Presidência da República na próxima sexta-feira (28). O debate, mediado por William Bonner, vai ao ar depois da novela “Travessia”, a partir das 21h30. Você pode acompanhar ao vivo pelo g1, na TV Globo, na GloboNews e no Globoplay.

 

Participam do debate os candidatos Jair Bolsonaro (PL) e Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Os dois disputam o segundo turno das eleições no domingo (30).

 

O debate será realizado nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro. As regras do programa foram aprovadas pelas assessorias dos dois candidatos.

 

Além do debate presidencial, a Globo também irá fazer debates nos estados que terão segundo turno, na quinta-feira (27). Veja como assistir.

 

Banco de minutos
Neste debate, os candidatos terão que administrar o próprio tempo entre perguntas, respostas, réplicas e tréplicas. O tempo poderá ser utilizado e dividido da maneira como cada candidato preferir, mas não poderá ser ‘guardado’ de um bloco para o outro.

 

No primeiro bloco, por exemplo, cada um dos presidenciáveis receberá o tempo de 15 minutos. Se o candidato usar 1 minuto para fazer a primeira pergunta, terá 14 minutos restantes para fazer a tréplica, novos questionamentos ou responder questões feitas pelo adversário.

 

Blocos
O debate terá quatro blocos, sendo dois com temas livres e outros dois com temas determinados.

 

Confira a seguir a divisão dos blocos:

Primeiro bloco: 30 minutos de debate com tema livre. Cada candidato terá que administrar o tempo de 15 minutos para perguntas, respostas, réplicas e tréplicas;
Segundo bloco: 20 minutos de debate com temas determinados, sendo dividido em duas rodadas de 10 minutos. Cada candidato terá direito a escolher um tema que foi definido pelo Jornalismo da Globo. Neste bloco, os candidatos terão 5 minutos de fala para cada uma das rodadas;

 

Terceiro bloco: mais 30 minutos de debate com tema livre. Assim como no primeiro bloco, os candidatos terão que administrar o tempo de 15 minutos para perguntas e respostas;

Quarto bloco: mais duas rodadas de 10 minutos com temas definidos, sendo que os candidatos terão 5 minutos de tempo de fala em cada rodada. Neste bloco, os candidatos também terão direito a 1 minuto e 30 segundos cada para considerações finais.

 

A ordem de quem começará questionando e quem começará respondendo em cada bloco foi definida em sorteio.

 

Direito de resposta
O candidato que sofrer uma ofensa pessoal do adversário pode pedir direito de resposta. A solicitação deve ser feita em silêncio, com o presidenciável levantando a mão para o mediador.

 

A produção do debate irá analisar o pedido. Caso o direito de resposta seja concedido, o candidato terá um minuto para responder às ofensas.

 

Eventual ausência
Em caso de ausência de um dos candidatos, será realizada uma entrevista de 30 minutos com aquele que comparecer.

 

Os temas das perguntas serão os mesmos que seriam usados nos blocos de tema determinado e aparecerão no telão.

 

Debates nos estados
A Globo também fará debates entre candidatos a governador nos estados em que haverá segundo turno. Os programas serão transmitidos pela TV Globo e pelo g1 na quinta-feira (27), após a novela “Travessia”.

 

Veja a seguir como acompanhar o debate, por estado:

Alagoas
Amazonas
Bahia
Espírito Santo
Mato Grosso do Sul
Paraíba
Pernambuco
Rondônia
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
Sergipe
Eleições 2022
O primeiro turno das eleições de 2022 ocorreu no dia 2 de outubro. Lula recebeu 57 milhões de votos (48,4% dos votos válidos), e Bolsonaro teve 51 milhões de votos (43,2% dos válidos).

 

No primeiro turno, os eleitores também elegeram senadores, deputados federais e deputados estaduais ou distritais. Além disso, 15 governadores foram eleitos ainda no primeiro turno. Outros 12 estados terão segundo turno também para governador.

 

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU