Justiça faz teste de integridade durante eleições suplementares no Rio


Pela primeira vez, a Justiça Eleitoral do Rio de Janeiro fará um teste de integridade durante as eleições suplementares que serão realizadas neste domingo (12) nos municípios de Silva Jardim e Santa Maria Madalena.

 

Os eleitores voltam às urnas eletrônicas para eleger novos prefeitos e vice-prefeitos, que concorreram sub judice no pleito de 2020 e não chegaram a ser diplomados.

 

 

Nos municípios de Campo Grande, em Alagoas, e Gado Bravo, na Paraíba, os eleitores também voltam às urnas.

 

 

No Rio, o teste de integridade será acompanhando pelo presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, e pelo corregedor da Justiça Eleitoral, ministro Luís Felipe Salomão. O teste será transmitido pelo canal do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Rio de Janeiro no You Tube.

O procedimento é feito pela Justiça Eleitoral desde 2002 e consiste na realização de uma votação paralela ao pleito oficial para comprovar que o voto digitado na urna é exatamente o voto que será contabilizado.

Os prefeitos e vice-prefeitos que forem eleitos vão exercer seus mandatos até 31 de dezembro de 2024.

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU