Governo Francimara defende criação de lei na Alerj



Executivo, empresariado e produtores municipais se unem para criação de lei estadual que regulamente o plantio da aroeira.
Objetivando a criação de instrumentos legais que regulem o cultivo, colheita e comercialização da espécie vegetal aroeira no Estado do Rio de Janeiro, representando a Prefeita Francimara Azeredo da Silva Barbosa Lemos o Vice-Prefeito e também secretário de Agricultura e Pesca do município de SFI, Cláudio Henriques esteve presente em sessão na Assembleia Legislativa do Rio, na tarde desta quarta-feira(07).Na ocasião, estiveram presentes o agricultor e empresário local Luis Carlos Henriques e o engenheiro agrônomo municipal Edmar Henriques.

          “Viemos propor a criação de uma lei específica que regulamenta o plantio comercial da Aroeira no nosso estado e consequentemente afetaria de forma positiva o município de São Francisco de Itabapoana”, explicou o Vice-Prefeito Cláudio Henriques, completando ainda que um dos objetivos da atual gestão municipal no âmbito da agricultura, é estimular ações para o aumento da renda do produtor local.
Para o empresário e produtor rural Luis Carlos Henriques, um dos defensores da criação da legislação, com o plantio comercial regulamentado, acabaria com a colheita predatória e descontrolada das aroeiras nativas: “ assim as indústrias se comprometerão a só comprar a Pimenta Rosa, oriunda das aroeiras, de plantios sustentáveis, acabando assim com a agressão a aroeiras nativas”, afirmou o empresário.
De acordo com o Deputado Estadual João Peixoto é de suma importância a criação de uma lei que regulamente e sirva de parâmetro para este tipo específico de cultura, dando mais segurança àqueles que desejam investir no plantio. “Seguiremos o mesmo exemplo do Espírito Santo que já tem lei que trata sobre o assunto”, enfatizou o Deputado.
A aroeira é uma espécie nativa no município e tem uma boa adaptação ao clima e ao solo da região, seu cultivo vem sendo amplamente estimulado pela atual gestão municipal como mais uma opção de fomento da agricultura, tanto que já foram plantadas 1.200 mudas, com previsão de mais 19.000 a serem plantadas ao longo do ano, em áreas de solo degradado.
Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.