Polícia Militar faz parceria com iFood para evitar crimes por falsos entregadores no Rio


A Polícia Militar lançou, nesta quarta-feira (17), uma parceria com o iFood para evitar que pessoas se passem por entregadores no Rio de Janeiro para cometer crimes. Um sistema vai permitir que agentes chequem durante uma abordagem se os profissionais trabalham, de fato, para a empresa.

Segundo a PM, o acordo surgiu após uma série de denúncias de que criminosos usariam itens com a marca da empresa, como a mochila, para praticar roubos e furtos.

 

A consulta vai permitir que o policial veja, em tempo real, se o suposto entregador está fazendo alguma entrega ou fez outras nos dias anteriores. De acordo com a corporação, a tecnologia funciona sem que haja compartilhamento de dados entre as duas instituições.

 

A parceria foi lançada em uma cerimônia no Salão Nobre do Quartel General da Polícia Militar, no Centro do Rio. Um documento foi assinado pelo secretário de Estado de Polícia Militar, coronel Luiz Henrique Marinho Pires, e pelo o diretor de políticas públicas do iFood, João Sabino.

 

“Essa iniciativa representa mais um passo da Polícia Militar do Rio de Janeiro na estratégia da corporação de empregar o uso de recursos tecnológicos na área de segurança pública em benefício de toda a sociedade fluminense”, afirma o secretário.

 

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU