Governo começa a pagar parcela de R$ 300 do Auxílio Emergencial para beneficiários fora do Bolsa Família na quarta-feira, diz Onyx


O pagamento do Auxílio Emergencial no valor de R$ 300 para pessoas que não fazem parte do Bolsa Família começa a partir da próxima quarta-feira (30).

O anúncio foi feito pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, durante reunião com o governador mineiro Romeu Zema (Novo) nesta segunda-feira (28), em Belo Horizonte, em que anunciou liberação de recursos para o Programa de Aquisição de Alimentos.

 

 

O ministro também falou sobre o Renda Cidadã, programa que o governo federal pretende implementar no próximo ano. Sem mencionar a polêmica da utilização de recursos de precatórios e também dinheiro federal do Fundeb (Fundo de Financiamento de Educação Básica), Onyx garantiu que já é possível disponibilizar R$ 35 bilhões ao programa.

 

 

“O Renda Cidadã, nós temos programa pronto há muitos meses, desde quando eu estava na Casa Civil, desde novembro do ano passado. Montamos um programa com três grandes eixos, o primeiro deles é o mérito, a empregabilidade e foco na primeira infância”.

 

 

Segundo o ministro, mais de 1,5 milhão de crianças do Bolsa Família serão premiadas pelo desempenho na escola; dez mil também receberão prêmio por desempenho em jogos estudantis e outros dez mil que tiverem destaque nas olimpíadas do conhecimento.

 

 

Ao ser questionado sobre a acusação feita pelo ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, de ter feito gravações de deputados durante reunião, Onyx se irritou.

 

“Eu lutei para que aquela proposta feita pelos procuradores da Lava Jato fosse aprovada pelo parlamento. Primeiro, lutei com todas as forças para mantê-las intactas. Esta afirmação é mentira. Segundo, o ex-deputado e ex-ministro sofre de um sintoma muito grave, de falta de luz. Terceiro, eu tenho mais o que fazer do que preocupar com fofoca de ex-ministro e de ex-deputado.”

 

Programa de Aquisição de Alimentos
Durante solenidade na Cidade Administrativa, na Região Norte de Belo Horizonte, o Ministro Onyx Lorenzoni anunciou a liberação de R$ 6,2 milhões para o Programa de Aquisição de Alimentos em Minas Gerais. O programa permite que estados e municípios comprem alimentos da agricultura familiar para fornecer a pessoas em situação vulnerável, sem processo licitatório.

 

“Grande massa de pequenos produtores rurais que tiveram renda impactada pela pandemia, devido a ausência de feira e de merenda escolar, tem enfrentado dificuldade muito grande. Este programa vem para dar estabilidade, porque ajuda quem consome e quem produz”, finalizou o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo).

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.