Helicóptero cai na Baía de Guanabara; dois tripulantes são resgatados com vida


Um helicóptero modelo Robinson 22 caiu na tarde desta segunda-feira (6) na Baía de Guanabara, no Rio de Janeiro. Duas pessoas estavam na aeronave e escaparam sem ‘ferimentos aparentes’, segundo a Escola de Aviação Omni, empresa responsável pelo veículo.

A Omni informou ainda que os tripulantes estavam fazendo um voo de instrução. Ambos serão submetidos a uma avaliação médica.

 

Os bombeiros foram chamados por volta das 14h40. O acidente, segundo a corporação, aconteceu na altura da Praça Mauá, perto do Museu do Amanhã.

 

Os tripulantes eram um instrutor e um aluno. Os dois foram socorridos por embarcações particulares, de acordo com informações dos bombeiros.

 

Por volta das 15h30, equipes da corporação faziam buscas por terra, no mar e também a partir de um helicóptero, para tentar localizar a aeronave. A Marinha também participava das buscas.

 

Segundo uma testemunha ouvida pela GloboNews, o helicóptero fez um barulho e uma parte da cauda soltou, antes da aeronave fazer um rodopio e adernar na baía.

 

O que diz a Marinha
A Marinha do Brasil (MB) informou que a Capitania dos Portos do Rio de Janeiro (CPRJ) enviou uma equipe de Busca e Salvamento (SAR) para o lcoal, assim que ficou sabendo da ocorrência. Foram deslocados para a região três embarcações e uma motoaquática.

 

Dois tripulantes foram resgatados com vida por uma embarcação que trafegava próxima ao Museu do Amanhã. Além disso, não foi identificada poluição hídrica até a publicação desta reportagem.

O que diz a empresa
A Escola de Aviação Omni informou que aconteceu “um incidente por volta das 14h40 num voo de instrução, próximo à Praça Mauá, na Baía de Guanabara”. A aeronave teve que fazer um pouso na água.

 

As duas pessoas que estavam a bordo, um instrutor identificado como Marcus e o aluno Thiago, ficaram sem lesões aparentes e passavam por uma avaliação médica.

 

“A habilidade e proficiência do Instrutor contribuíram para a realização do pouso na água com segurança e para a evacuação da aeronave juntamente com o aluno. O modelo Robinson 22 é um pequeno helicóptero para duas pessoas que se tornou o helicóptero padrão para treinamento de pilotos”, diz a nota.

 

Ainda de acordo com a Omni, o “Plano de Resposta a Emergência” foi acionado e há cooperação da empresa com as “autoridades de investigação”.

 

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU