PM mobiliza 15 mil policiais para segurança no réveillon do RJ


A Secretaria estadual de Polícia Militar montou um esquema de segurança para o réveillon deste ano em todo o Rio de Janeiro. Cerca de 15 mil PMs atuarão em diferentes pontos do estado.

A maior concentração de agentes estará na orla da cidade do Rio, em Niterói, na Região dos Lagos e na Costa Verde.

O esquema de segurança começa às 6h da terça-feira (31) e vai até a manhã da quarta-feira (1), primeiro dia de 2020.

Policiamento em Copacabana
A Polícia Militar destacou 2.049 policiais e 112 veículos para realizarem a segurança em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

A corporação instalará 30 torres de observação em diferentes pontos da orla. Serão 13 na areia e 17 no calçadão.
Em Copacabana, a polícia ainda destacou a unidade de cães e a cavalo. O Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) vai atuar, a partir das 18h30 de segunda-feira (30), nos 24 pontos de bloqueio em apoio à CET-Rio. Equipes do Batalhão de Ações com Cães (BAC) e do BPChq vão apoiar o policiamento na parte externa das estações do metrô em Copacabana.

Policiais do RECOM (Rondas Especiais e Controle de Multidões) e do BEPE (Batalhão Especializado de Policiamento em Estádio) formarão 36 (trinta e seis) grupos de proximidade de multidão, com 10 policiais em cada grupo, atuando a pé junto ao público.

Policiais a bordo de uma aeronave do Grupamento Aeromóvel (GAM), equipada com câmera, vão monitorar a orla. As imagens serão transmitidas em tempo real para o Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na Cidade Nova, região central do Rio.

Policiamento reforçado em outros pontos do Rio
O plano de segurança do réveillon prevê reforço de policiamento em outros bairros do Rio:

Praia do Flamengo
Ilha de Paquetá
Central do Brasil
Parque de Madureira
IAPI da Penha
Praia da Bica, na Ilha do Governador
Piscinão de Ramos
Praia do Recôncavo, em Sepetiba
Praia de Guaratiba;
Orlas da Barra da Tijuca e Recreio.
A PM também reforçará o policiamento nas cidades de Niterói e Maricá, na Região Metropolitana; Cabo Frio, na Região dos Lagos; e Angra dos Reis, na Costa Verde. Além das unidades convencionais, policiais serão deslocados em apoio para essas regiões.

Os policiais militares atuarão em conjunto com as ações de ordem pública a cargo das prefeituras municipais.

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU