Dia Mundial de Limpeza nas Praias, foi celebrado em São Francisco de Itabapoana, RJ neste sábado (21)


Dezenas de lixos e entulhos foram recolhidos no Dia Mundial da Limpeza de Praias em São Francisco de Itabapoana (SFI). Para contribuir com a ação, a prefeita acompanhou as equipes que percorreram o litoral em mutirão. Cerca de 150 pessoas contribuíram com a iniciativa, entre eles oficiais da Marinha do Brasil, alunos de escolas, servidores de secretarias municipais, sociedade civil organizada e população local.

A iniciativa aconteceu nas praias de Santa Clara, Gargaú, Guaxindiba, Sossego, Sonhos, Manguinhos, Guriri e Lagoa Doce. Divididos em equipes para que o acontecimento fosse simultâneo, os voluntários percorreram toda a faixa litorânea para recolher os lixos. Em todos os pontos havia um trator com reboque para auxiliar na remoção adequada do material encontrado.

Segundo levantamento feito pela secretária de Meio Ambiente e Defesa Civil, Luciana Soffiati, no total foram recolhidos aproximadamente 150 sacos de lixo, contendo sacos plásticos, copos descartáveis, tampinhas, canudos, pedaços de redes e de cordas de pesca, linhas de anzol, garrafas pets e de vidro, entre outros elementos.

Além desses resíduos, ainda foram encontrados muitos entulhos, entre eles pneus usados, galhos secos, saco com cimento, cadeiras quebradas e até tanque de fibra. “A iniciativa alcançou sua finalidade. Juntos, colaboramos para a proteção do nosso meio ambiente. Esperamos também que as pessoas entendam a importância de mantermos nossas praias sempre limpas e descartem os lixos em locais adequados”, orientou a prefeita.

O comandante da Capitania dos Portos de São João da Barra, capitão tenente Francisco Filho, pontuou as metas do acontecimento. “Nesse dia, a Marinha está em todo o litoral do Brasil realizando atividades em rios, praias e lagos. Além do caráter educativo, concretiza uma ação para ajudar nosso sistema eco viário. A meta é não sujar e se encontrar sujo, limpar. Isso é massificar a ideia de limpeza”, pontuou.

Motivado pela ação, o estudante Lucas Lessa, 11 anos, relembrou os ensinamentos no colégio em que estuda. “Na escola a professora ensina que a gente precisa ajudar a preservar o meio ambiente. Aqui a gente fez do jeito que aprendemos, porque devemos sempre deixar a praia limpa se não pode prejudicar a vida dos seres do mar”, disse.

A secretária de Meio Ambiente fez agradecimentos. “Agradeço a todos os participantes que passaram a manhã empenhados na limpeza das praias. Quero destacar a presença dos oficiais da Marinha, o apoio das secretarias de Trabalho e Desenvolvimento Humano, através do Departamento de Juventude; Educação e Cultura, Obras e Serviços Públicos, Pesca; Grupo Amigos da Ecologia, Colônia de Pescadores Z1, além de toda minha equipe e de diversos voluntários das comunidades. Recebam meu muito obrigada”, finalizou a secretária.

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.