Mesmo com acordo, caminhoneiros mantêm protestos


Pelo 5º dia seguido, caminhoneiros fazem manifestações 15 estados e no Distrito Federal. Os atos desta sexta-feira (25) dão continuidade à mobilização contra a disparada do preço do diesel, que faz parte da política de preços da Petrobras em vigor desde julho de 2017.


Na noite de quinta-feira (24), o governo federal e representantes de caminhoneiros anunciaram proposta para suspender a greve por 15 dias, mas motoristas permanecem mobilizados em pelo menos 16 estados e no Distrito Federal.

Em Campos, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), os manifestantes seguem no acostamento da BR-101, na altura dos KMs 70 e 75, nos dois sentidos e o trânsito flui para veículos de passeio.

Proposta do governo

Na noite de quinta, o governo federal anunciou uma proposta para suspender a greve por 15 dias, após uma reunião de mais de seis horas com representantes de entidades de caminhoneiros.

Os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil), Carlos Marun (Secretaria de Governo), Eduardo Guardia (Fazenda) e Valter Casimiro (Transportes) assumem os compromissos de zerar o Cide e fazer com que a Petrobrás mantenha a redução de 10% no valor do diesel nas refinarias durante 30 dias.

https://static.addtoany.com/menu/page.js

Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.