SFI presente em audiência pública sobre a baixa vazão do Rio Paraíba do Sul


        São Francisco de Itabapoana (SFI) esteve presente à Audiência Pública sobre a “Baixa vazão do Rio Paraíba do Sul em sua foz: consequências econômicas, sociais e ambientais”. O evento aconteceu nesta segunda-feira (4), no auditório do Centro de Convenções da Uenf, em Campos, sendo promovido pelo Comitê do Baixo Paraíba do Sul e Itabapoana e a Comissão Parlamentar em Defesa do Rio Paraíba do Sul, da Alerj. 

        O secretário de Meio Ambiente e Defesa Civil de SFI, Ilzomar Soares, representou a prefeita Francimara Barbosa Lemos. Em seu discurso, ele enfatizou que o município são franciscano tem sofrido com a baixa vazão do Paraíba. “Este problema está afetando diretamente nossos setores na Agricultura e Pecuária, principalmente na região de Gargaú, onde a pesca no estuário, no Rio Paraíba do Sul, e o extrativismo, estão sendo prejudicados pela salinização e diminuição no estoque de peixe”, destacou Ilzomar. 
    A prefeita Francimara, em nota, reforçou que “devemos ficar atentos a este movimento, procurando potencializar ações regionais e alternativas de melhorias para nossos recursos hídricos”. Alternativas – Durante o evento, o auditório esteve lotado com a presença de vários setores, representantes de cidades das regiões Norte e Noroeste Fluminense, onde estiveram convidados a participar da mesa secretários municipais, deputados, reitor da Uenf, Luis Passoni, e na mesa técnica, doutores de universidades para apresentarem seus painéis sobre o assunto, motivando o público presente a questionamentos. 
    O ponto principal das discussões ficou norteado sobre aspectos específicos sobre vazão, intrusão de água salgada, e impactos negativos econômico e social que afetam diretamente as regiões que margeiam o Paraíba do Sul. Algumas opções foram apresentadas, tanto na recuperação da bacia hidrográfica, assim como alternativas de engenharia, onde se estuda a emissão de uma Instrução Técnica pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e aguardada a publicação da autorização para atuação mecanizada no canal de navegação em Atafona, na cidade de São João Da Barra (SJB). As propostas serão levadas à Comissão de Meio Ambiente da Alerj para abordagem do assunto e verificação de viabilidades de projetos. Ascom SFI
Print Friendly, PDF & Email

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.