Pesquisa: aipim, a abóbora, mamão, inhame e abacate mais caros para o consumidor campista


A pesquisa é feita em quatro locais e foram pesquisados 28 itens, dentre os mais consumidos

A Superintendência do Procon/Campos acaba de elaborar a pesquisa mensal dos hortifrutigranjeiros referentes ao mês de novembro de 2016. Em relação ao mês anterior os preços tiveram um aumento de 1,4%.
A pesquisa é feita em quatro locais e foram pesquisados 28 itens, dentre os mais consumidos pelos campistas.
De acordo com a superintendente do Procon/Campos, Rosangela Tavares o consumidor deve buscar os preços mais em conta, pois estes produtos ajudam na economia da população. “O consumidor deve ter o hábito de sempre adquirir estes produtos, que estão com os preços bem competitivos. Com boa quantidade de chuvas a safra aumenta e os preços tendem a ficar estáveis. O Brasil possui uma vasta cultura destes produtos e quase sempre não há necessidade de importação, ficando menos reféns das conjunturas econômicas”, destaca Rosangela Tavares.
Dentre os produtos que estão com os preços mais em conta estão a batata inglesa, a cebola, a cenoura, melancia e laranja. Já os produtos que tiveram aumento foram o aipim, a abóbora, mamão, inhame e abacate.
O órgão municipal de defesa do consumidor destaca que os preços continuam com bastante diferença, se comparados de um estabelecimento para outro. Confira as diferenças mais gritantes:
Produto Menor preço Maior preço
Abóbora 1,49 3,99
Alho 16,00 24,99
Pepino 0,99 4,79
Pimentão 1,99 3,99
Abacaxi unidade 1,00 4,99
melancia 0,99 2,49
Mamão 1,99 4,99
Tabela de produtos hortifrutigranjeiros – Dia 28, 29 E 30 de NOVEMBRO-2016
Produto Hortifruti GreenFruti Mercado Superbom
Batata inglesa 1.99 2.97 1.99 2.39
Tomate 4.99 3.97 2.50 3.99
Abóbora 3.99 3.97 1.49 2.29
Print Friendly, PDF & Email

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

MENU